Editorial

por Nelson Rubens Kunze 01/08/2018

Prezado leitor,

Publicamos nesta edição a matéria de capa de nossa parceira editorial, a revista inglesa Gramophone, em comemoração aos 100 anos do nascimento de Leonard Bernstein (página 18). Além de maestro consagrado – dirigiu as principais orquestras do mundo –, Bernstein deixou um valioso e inestimável legado composicional. A matéria de Edward Seckerson destaca as principais criações do mestre e como elas refletem suas inquietações e suas buscas. Transitando com desenvoltura entre os mais diversos gêneros artísticos, a obra de Bernstein é um dos grandes documentos de nosso tempo. Durante todo o ano, e especialmente neste mês, diversas orquestras e teatros estarão programando Bernstein pelo Brasil, do Theatro Municipal de São Paulo à Filarmônica de Minas Gerais (página 23).

Desde sempre, o pianista brasileiro Marcelo Bratke demonstra vontade em ampliar os limites de suas atividades. Com especial interesse pela música brasileira, por novos repertórios e pelas interseções das manifestações artísticas – sempre refletindo sobre o sentido de sua arte –, Bratke constrói uma carreira original e instigante. Nos próximos dois meses, o artista terá intensa agenda de concertos no Brasil e no exterior, refletindo a multiplicidade de seus interesses, como você poderá ler na entrevista que ele concedeu ao jornalista Irineu Franco Perpetuo (página 12).

Certamente uma das principais atrações do ano clássico no Brasil será a apresentação da soprano Anna Netrebko – uma das grandes vozes da atualidade –, que cantará na Sala São Paulo ao lado do tenor Yusif Eyvazov, em promoção do Mozarteum Brasileiro. Com um repertório diferente daquele que a consagrou, como escreve o editor-executivo João Luiz Sampaio (página 14), Netrebko será acompanhada pela Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro sob regência de Jader Bignamini.

São Paulo terá ópera em agosto – e logo duas! No Theatro São Pedro, após o êxito de Alcina de Händel, a temporada tem sequência com outro título raro: Kátia Kabanová, de Leos Janácek, composta no início do século XX. Nosso colaborador Leonardo Martinelli conversou com a soprano Gabriella Pace (que fará o papel de Kabanová) e com o diretor cênico André-Heller-Lopes, e escreve sobre o autor, a obra e a nova encenação (página 26). 

O outro título lírico que estreia em São Paulo é a conhecida e amada Carmen, de Bizet, que será montada no Teatro Bradesco em inciativa independente dirigida pelo maestro Luciano Camargo. Fundador e regente da Orquestra Acadêmica e do Coral da Cidade de São Paulo, Camargo conversou com João Luiz Sampaio e contou sobre sua nova empreitada, antecipando detalhes da nova produção (página 56). 

Mas também haverá ópera em Belém do Pará, onde o Festival do Theatro da Paz estreia a sua 17ª edição com duas montagens inéditas: A vida breve, de Manuel de Falla, em agosto, e Um baile de máscaras, de Verdi, em setembro (página 46).

Acontece em agosto a quarta edição do Festival Vermelhos, que novamente promoverá intensa atividade musical na Ilhabela, em São Paulo. Entre as atrações que ocuparão o palco do Anfiteatro da Floresta e do Teatro de Vermelhos – surpreendente espaço cercado pela exuberante natureza da região – figuram grupos como a Jazz Sinfônica, a São Paulo Companhia de Dança, a Orquestra Jovem do Estado, o Quarternaglia, o São Paulo Piano Quartet e o Quarteto Carlos Gomes, além de renomados artistas (página 16). 

Leia também os artigos de nossos colunistas João Marcos Coelho (que escreve sobre as apresentações de Pierre-Laurent Aimard e Tamara Stefanovich com a Osesp), de Jorge Coli (que reflete sobre Debussy e os significados da música) e de Júlio Medaglia (sobre a riqueza da música para cinema composta nos Estados Unidos pelos imigrantes europeus). E acompanhe a seção de lançamentos de CDs, DVDs e livros, as indicações de cursos e concursos, bem como o tradicional Roteiro Musical ilustrado da Revista CONCERTO, com centenas de atrações em São Paulo, no Rio de Janeiro e em diversas outras cidades do país.

Leia a Revista CONCERTO e desbrave com a gente o maravilhoso mundo da música!