Banner 468x60
Banner 180x60
Bom dia.
Quinta-Feira, 19 de Abril de 2018.
 
E-mail:  Senha:

 

 
Nome

E-mail


 
Saiba como anunciar na Revista e no Site CONCERTO.
   


Vitrine Musical 2016 - Clique aqui e veja detalhes dos anunciantes

 

 
 
 
Museu virtual reúne milhares de instrumentos de coleções britânicas (4/12/2017)
Por Camila Frésca

Uma importante ferramenta de pesquisa – ou mesmo uma deliciosa curiosidade para melômanos – foi lançada no último dia 30 de outubro: o site Minin-UK  (Musical Instruments Interface for Museums and Collections), um museu virtual de instrumentos musicais que reúne milhares de informações, fotos e arquivos de áudio de 200 coleções de instrumentos históricos do Reino Unido. No total, são cerca de 20 mil itens que abrangem 5 mil anos. O Minin-UK é o resultado de um projeto liderado pelo Royal College of Music em parceria com o Museu Horniman, a Royal Academy of Music, a Universidade de Edimburgo e o Google Arts and Culture, com financiamento do Higher Education Funding Council for England [Conselho de Financiamento da Educação Superior para a Inglaterra].

Em tempos em que, no Brasil, lutamos por verbas para que nossas instituições culturais tenham o mínimo para subsistir, navegar pelo site é entrar em outro mundo. São 332 violinos, 76 violas, 73 violoncelos e 19 contrabaixos disponíveis para exibição, juntamente com centenas de outros instrumentos de cordas de todo o mundo, e milhares de exemplos de sopros, teclado, percussão e instrumentos eletrônicos. Além de conectar coleções que já existiam on-line, o projeto também digitalizou muitas outras: “nossa equipe viajou mais de 10 mil milhas por 200 dias reunindo fotografias, gravações de áudio e vídeo e histórias das Terras Altas da Escócia até costa sul”, afirmam os organizadores.


Cravo construído por Alessandro Trasuntino em Veneza, em 1531 [Reprodução]

O lindo cravo construído por Alessandro Trasuntino em Veneza, em 1531, é um desses milhares de instrumentos. É possível fazer pesquisa a partir de determinada coleção, de uma família de instrumentos ou procurar um instrumento específico. Uma vez feita a busca e selecionado o instrumento, uma página exibe fotos, uma descrição geral, o nome do fabricante ou luthier, data, coleção em que se encontra e número de inventário do instrumento. Em alguns deles, ainda é possível ouvir uma gravação em áudio e/ou vídeo. Ou ainda, indo diretamente à seção “watch and listen”, é possível ver a lista com foto dos instrumentos para os quais existe a opção multimídia. Ali pude ouvir, por exemplo, o som do violino “Habeneck” construído por Antonio Stradivari em 1734. Ou ainda, descobri o curioso “flexatone”, cuja descrição técnica se inicia explicando que se trata de uma “lâmina de aço flexível em armação de metal que soa ao ser chacoalhada, de modo que bolas de madeira golpeiem a lâmina; a altura da nota é controlada flexionando-se a lâmina” (felizmente, é possível ver um vídeo do instrumento em ação e compreender o procedimento).


Flexatone [Reprodução]

Artigos que tratam da história musical do Reino Unido a partir dos instrumentos musicais presentes nas coleções completam a base de informações que se pode encontrar no Minin-UK. A oferta parece muitas vezes ser infinita – assim como as descobertas.





Camila Frésca - é jornalista e doutoranda em musicologia pela ECA-USP. É autora do livro "Uma extraordinária revelação de arte: Flausino Vale e o violino brasileiro" (Annablume, 2010).

Mais Textos

Oito olhos azuis e muita música Por Jorge Coli (19/4/2018)
‘Missa’ de Bernstein é destaque no Theatro Municipal de São Paulo Por Nelson Rubens Kunze (10/4/2018)
“O Corego” e os primórdios da representação operística Por Camila Frésca (6/4/2018)
Natalie Dessay: uma expressão que transcende as palavras Por Irineu Franco Perpetuo (5/4/2018)
Os Músicos de Capella fazem primorosa ‘Paixão’ de Bach Por Nelson Rubens Kunze (29/3/2018)
A música não mente Por João Marcos Coelho (27/3/2018)
Enfim, uma sede para a Ospa! Por Nelson Rubens Kunze (26/3/2018)
A Osesp, Villa-Lobos e o “voo de galinha” Por João Marcos Coelho (23/3/2018)
Jan Lisiecki: para uma temporada de austeridade, um pianista nada austero Por Irineu Franco Perpetuo (14/3/2018)
“Lo Schiavo” em Campinas: encantamento e melancolia Por Jorge Coli (12/3/2018)
Villa-Lobos, a Semana de Arte Moderna e o Brasil Por Camila Frésca (8/3/2018)
“Sexta” de Mahler coroa trabalho artístico do Instituto Baccarelli Por Nelson Rubens Kunze (5/3/2018)
Hvorostovsky e um “Rigoletto” excepcional Por Jorge Coli (26/2/2018)
10 anos de Filarmônica de Minas Gerais: muito a comemorar Por Nelson Rubens Kunze (26/2/2018)
Ópera de Dubai e Louvre Abu Dhabi: arquitetura e conceito – parte 2 Por Camila Frésca (22/1/2018)
Ópera de Dubai e Louvre Abu Dhabi: arquitetura e conceito – parte 1 Por Camila Frésca (22/1/2018)
Relativizações, realidades e transformações: um olhar sobre “A flauta mágica” do Theatro Municipal Por João Luiz Sampaio (23/12/2017)
A produção é boa, mas faltou mágica na “Flauta” do Municipal Por Nelson Rubens Kunze (23/12/2017)
O prazer de ouvir Neymar Dias – muito bachiano e muito brasileiro Por Irineu Franco Perpetuo (20/12/2017)
Uma temporada inclusiva, feita com inteligência Por João Marcos Coelho (19/12/2017)
Uma grande e despretensiosa sátira Por João Luiz Sampaio (8/12/2017)
A goleada da Argentina (e nem precisaram do Messi) Por Nelson Rubens Kunze (8/12/2017)
Karnal, a Osesp e o governador Por Nelson Rubens Kunze (24/11/2017)
Quem não trafega nas redes sociais se trumbica Por João Marcos Coelho (24/11/2017)
Budu e Hilsdorf: nasce um duo Por Irineu Franco Perpetuo (14/11/2017)
 
Ver todos os textos anteriores
 
<< voltar

 


< Mês Anterior Abril 2018 Próximo Mês >
D S T Q Q S S
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 1 2 3 4 5
 

 
São Paulo:

19/4/2018 - Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo e Coro da Osesp

Rio de Janeiro:
29/4/2018 - Orquestra Petrobras Sinfônica

Outras Cidades:
22/4/2018 - Campinas, SP - Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas
 




Clássicos Editorial Ltda. © 2018 - Todos os direitos reservados.

Rua João Álvares Soares, 1404
CEP 04609-003 – São Paulo, SP
Tel. (11) 3539-0045 – Fax (11) 3539-0046