Eiane Coelho relê romantismo tardio em recital no Theatro Municipal do Rio de Janeiro

por Redação CONCERTO 22/04/2019

A cidade de Viena se mistura de modo indissociável à trajetória da soprano Eliane Coelho. Durante anos membro do elenco estável da Staatsoper, a cantora brasileira viveu no palco da companhia uma galeria de grandes papeis operísticos.

Mas o ambiente musical da cidade também se revela em sua trajetória por meio do universo das canções, no qual ela também se revela intérprete de exceção. E, nesta terça-feira, dia 23, ela sobe ao palco do Theatro Municipal do Rio de Janeiro para um recital no qual vai interpretar uma seleção de obras de Mahler, Schoenberg, Berg e Korngold, celebrando o repertório do romantismo tardio, ou seja, da passagem do século XIX para o século XX.

Ao seu lado, estará um dos mais interessantes pianistas da atual geração, Luiz Gustavo Carvalho. Diretor artístico do Festival Artes Vertentes, realizado anualmente em Tiradentes, Minas Gerais, ele tem se apresentado regularmente com a soprano em diferentes palcos no Brasil.

Clique aqui e veja os detalhes no Roteiro do Site CONCERTO

Leia mais
Prepare-se: os destaques da semana
Robert Trevino rege a Sinfônica da Antuérpia na Sala São Paulo
Brasil musical: os destaques das orquestras em todo o país

Eliane Coelho [Divulgação / Antonio Guerreiro]
Eliane Coelho [Divulgação / Antonio Guerreiro]