Petrobras Sinfônica toca ‘Sinfonia nº 9’ de Mahler

por Redação CONCERTO 16/05/2019

O concerto que a Orquestra Petrobras Sinfônica apresenta nesta sexta-feira, dia 17, em sua série do Theatro Municipal do Rio de Janeiro traz uma das mais importantes sinfonias do repertório: a Nona de Gustav Mahler. 

Escrita no final da vida do compositor, ela se encerra com o dilacerante Adagio, espécie de resumo das preocupações existenciais do compositor. A regência é de Isaac Karabtchevsky, que fez de Mahler uma de suas especialidades (o repertório traz ainda o Concerto para clarineta nº 2, de Carl Maria von Weber, com Cristiano Alves).

A Opes tem outros compromissos ao longo do mês. No dia 22, o Grupo de Câmara da orquestra lança no Teatro Rival Petrobras O Clássico é Indie (o grupo também se apresenta com a cantora Vanessa da Matta no dia 30, na Cidade das Artes).

E, nos dias 25 (Sala Cecília Meireles) e 26 (Teatro Municipal de Nova Friburgo), a sinfônica estreia O pequeno príncipe: concerto para narrador e orquestra, espetáculo criado por Tim Rescala e Rodrigo Toffolo, com a participação da soprano Michele Menezes. 

Clique aqui e veja mais detalhes no Roteiro do Site CONCERTO

Leia mais
Acervo CONCERTO: A vida de Gustav Mahler
Luis Otávio Santos rege Mozart à frente da Osusp
Luiz Fernando Malheiro fala sobre sua saída do Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Orquestra Petrobras Sinfônica [Divulgação]
Orquestra Petrobras Sinfônica [Divulgação]